quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Leitura: O maior vendedor do mundo

Autor: Mandino, Og
Editora: Record  
Onde Comprar: Livraria Saraiva

Hafid, que é guardador de camelos procura Pathros que pra ele é como se fosse seu pai adotivo, e este, muito rico. Ele tem a ambição de ser muito rico, e Pathros dá a chance a ele, o mandando a Belém para vender uma única túnica vermelha, pelo preço que ele achar justo.
Hafid então vai a Belém, bate na porta de todas as casas, e nenhuma pessoa aceita comprar a túnica, então no 4º dia, quando ele entra numa gruta para descansar, ele vê um casal com um filho recém nascido, e todas as cobertas em cima do menino, que mesmo assim parecia estar com frio. Hafid chega perto, tira as cobertas de cima do menino recém nascido, coloca-as nos pais, pega a túnica vermelha e a coloca em cima da criança, e sai.
Foi embora frustrado, pois nem conhecia aquelas pessoas, e Pathros iria achar ele um fracassado, pois não conseguira vender, voltara sem nada. No entando, Pathros já o esperava na varanda de sua casa, e perguntou a Hafid o que havia acontecido, pois uma estrela viéra o acompanhando de longe.
Ele então conta toda a história para Pathros, que se emociona e decide que ele é a pessoa certa para lhe entregar o baú com seus pergaminhos, onde estaria os grandes segredos de como ser o maior vendedor do mundo.
Hafid então abre seu baú e encontra lá, os dez pergaminhos como Pathros tinha dito.
Resumidamente, os 10 pergaminhos dizia:
  1. "Formarei bons hábitos e me tornarei escravo deles."
  2. "Saudarei este dia com amor no coração. "
  3. "Persistirei até alcançar o êxito."
  4. "Eu sou o maior milagre da natureza."
  5. "Viverei hoje como se fosse meu último dia."
  6. "Hoje serei dono de minhas emoções."
  7. "Rirei do mundo."
  8. "Hoje centuplicarei meu valor."
  9. "Agirei agora."
  10. "Suplicarei por orientação"   
Pois então, cada "mandamento" quer dizer uma coisa, tal como ter bons hábitos, rir das coisas ruins, ter fé, agir sempre, não deixar a emoção acima da razão, amar aos outros...
Pathros disse-o também, que ele deveria dividir toda a riqueza dele, com os pobres.
Hafid, muito velho, estava sentado no seu jardim, quando chegou um rapaz, parecia um mengido, dizia-o que era enviado de Jesus e queria poder falar com ele, contou-lhe sua história e disse que trouxera uma túnica vermelha, com a estrela de Tola, manchada de sangue. Disse sobre Jesus, e que este havia nascido em Belém, em uma gruta. Então Hafid encheu os olhos de lágrimas e teve a certeza que aquele rapaz seria seu sucessor.
 "É melhor agir e fracassar do que não agir e atrapalhar-me. A felicidade, em verdade, pode não ser o fruto colhido pela minha ação, mas sem ação todo fruto morrerá na vinha."

Nenhum comentário:

Postar um comentário